quinta-feira, 23 de agosto de 2018

CONSAGRAÇÃO A DEUS


Ap. Jota Moura

“Rogo-vos, pois, irmãos, pelas misericórdias de Deus, que apresenteis os vossos corpos por sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional”. (Romanos 12:1)

1. SIGNIFICADO DA CONSAGRAÇÃO
Consagração é o sacrifício do culto a Deus. É um ato de adoração profunda e sincera. Consagrar-se é apresentar-se diante de Deus com as mãos cheias. É oferecer-se a si mesmo ao Senhor. O ato de se consagrar ao Senhor significa colocar- se no altar de Deus para ser apenas um servo, em sacrifício
vivo, santo e agradável. Por tríplice razão nos tornamos propriedade de Deus:
1) porque Ele nos criou (Sl 24:1);
2) porque Ele nos amou e comprou com o sangue precioso de Jesus (I Pe 1:19);
3) porque nós o amamos e nos entregamos a Ele em consagração total. (2Co 5.15).

2. ALVO SUPREMO DA CONSAGRAÇÃO
O alvo supremo da consagração é o serviço ao Senhor que promove o Seu Reino. O “sacrifício vivo” ficava diante do sacerdote por tempo indeterminado. No caso de animais, poderia ficar para o serviço do campo ou poderia ser oferecido a Deus em holocausto a qualquer momento. Em termos humanos, temos o exemplo de Samuel, que foi um sacrifício vivo, oferecido por sua mãe, Ana e seu pai Elcana. Samuel cresceu na presença de Deus desde pequeno, morando no templo e obedecendo às orientações
do sacerdote Eli (1Sm 1.28). Foi chamado para o serviço profético e sacerdotal, e serviu também como juiz e líder em Israel.
Todo convertido a Cristo deve ser um servo (1Co 6.20). Deve estar pronto a cumprir a vontade do Pai Celestial. Deve amar como Jesus amou. Deve estar ligado ao corpo de Cristo e viver em santidade e prontidão para o Senhor.
Quando compreendemos o valor que temos para Deus, o preço que custamos para Ele, o propósito que Ele tem para nossas vidas, então, há grande alegria em dizer: “eis-me aqui, Senhor. Envia-me a mim”. (Is 6.8).
Você já disse isto ao Senhor? Você já se consagrou inteiramente a Jesus Cristo e Seu Reino? Leia e medite: Is 6:1-8; Sl 24: 1-2; Sl 16:2-8; At 20:18-36; IJo 3: 9-16.

3.DESAFIOS DA CONSAGRAÇÃO
1) Separe cânticos de consagração e cante-os de todo o coração ao Senhor diariamente com devoção.
2) Coloque diariamente diante do Senhor seu projeto de vida para o ano de 2018 e ore por seu crescimento na graça e comunhão com o Senhor e ministério no Reino.
3) Faça uma consagração específica de cada parte de seu corpo para o uso exclusivo de Deus. Proclame que seus ouvidos pertencem somente a Ele, sua boca falará a sua bendita Palavra (evitando palavras vãs, torpes como a mentira, a ira, a falsidade, a vaidade, etc).
Suas mãos e seus pés estarão dispostos a ir e fazer apenas o que o Senhor ordenar, aleluia!
4) Participe regularmente das reuniões de culto em sua Igreja CBSI com toda a sua família consagrando bens e talentos ao serviço de Deus.
5) Seja sensível ao chamado do Senhor, estando pronto para obedecer: sendo um intercessor; fazendo tudo em atitude de adoração e levando a Palavra do perdão e da salvação às pessoas com quem você convive.
Até que Cristo venha!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O JEJUM DE DANIEL – 21 DIAS DE ORAÇÃO Ap. Jota Moura Nisto consiste os 21 dias do jejum de Daniel: “E disse mais Daniel: ...q...